(61) 3036-6000
(61) 3036-6000

Dicas de Saúde

Veja 4 Boas Práticas com seu fone de ouvido:

✅ 1. Regra 60/60 – 60% do volume (conseguir ouvir ambiente externo) por 60 minutos no máximo e então fazer uma pausa. Se outras pessoas conseguem escutar to que vc está ouvindo, abaixe o volume!

✅ 2. Prefira fones tipo concha ao invés de fones que encaixam no canal auditivo. Os que encaixam diretamente no canal auditivo transmitem uma intensidade maior do som ao tímpano.⠀

✅ 3. Faça limpeza dos fones de ouvido regularmente com produto sugerido pelo fabricante.⠀

✅ 4. Se você perceber que não está escutando bem, procure um Otorrinolaringologista. Pode ser que você precise de uma limpeza de ouvido mas em alguns casos outros diagnósticos podem ser feitos e um tratamento precoce pode alterar o prognóstico, então quanto antes o diagnóstico for feito, melhor!!

Leia mais
Criança que ronca é normal?

Criança que ronca é normal?

O ronco nas crianças está ligado a falta de sono de qualidade e pode afetar a disciplina, o desenvolvimento físico e intelectual da criança. Por isso não é normal uma criança roncar todos os dias. O ideal é que ela tenha um sono tranquilo e silencioso.

Crianças que dormem mal e roncam podem:

✅ Apresentarem dificuldades de concentração e dificuldades de aprendizagem.
✅ Ficar mais irritadas, birrentas, agitadas e agressivas.

A causa mais comum do ronco em crianças é o aumento da adenoide. Tem tratamento e a vida da criança é transformada para melhor depois da solução.

Leia mais
Quem tem mais risco de ter Dor de Ouvido?

Quem tem mais risco de ter Dor de Ouvido?

Veja alguns fatores de risco para otite média aguda, a famosa dor de ouvido comum nas crianças, são:⠀

✅ Idade: 6 a 24 meses e entre 4 e 5 anos. ⠀
✅ Resfriados e gripes frequentes⠀
✅ Aumento do tamanho ou infecções recorrentes da adenoide⠀
✅ Frequentar berçario/escolinha/creche (em especial aquelas com mais de 9 crianças/sala)⠀
✅ Tabagismo dos pais ⠀
✅ Uso de chupeta⠀
✅ Não ter amamentado com leite materno⠀
✅ História familiar de otites⠀

Leia mais
Detectados precocemente, problemas auditivos têm mais chances de recuperação

Detectados precocemente, problemas auditivos têm mais chances de recuperação

Em geral, se você trata a perda auditiva de forma rápida e correta, você terá menos complicações relacionadas à surdez e poderá, até, revertê-la completamente. O não tratamento da perda auditiva pode levar a complicações como zumbido e dificuldade compreensão de palavras e frases tornando a sensação de perda auditiva cada vez pior.

 

Portanto, quanto mais cedo você conseguir um diagnóstico preciso, maiores são as chances de ter uma melhor qualidade de vida. A clínica COTTA estará sempre a sua disposição para cuidar da saúde dos seus ouvidos.

Leia mais
Qual a frequência devo ir ao Otorrinolaringologista?

Qual a frequência devo ir ao Otorrinolaringologista?

Otorrinolaringologista é o profissional que realiza o diagnóstico, tratamento e prevenção de doenças que afetam os ouvidos, nariz e garganta. Desta forma, é recomendado procurar esse especialista sempre que você tiver obstrução nasal, dor de garganta, dor no ouvido, zumbido no ouvido, perda auditiva, tonturas, dores na face, cefaleia, presença de secreções, sangramentos, ronco e apneia do sono, entre outros. Mas o ideal é que você não espere esses sintomas se manifestarem para procurar um otorrino. Isso porque as doenças que acometem essa região podem ser evitadas ou receber o tratamento adequado com o diagnóstico precoce, aumentando as chances de cura ou controle. Por isso, o recomendado é que você vá ao otorrino uma vez ao ano para fazer um check up, principalmente em casos de histórico familiar de doenças otorrinolaringológicas. Sua saúde agradece esse cuidado!

 

Leia mais
Você sabe como é a dor da sinusite aguda?

Você sabe como é a dor da sinusite aguda?

Dor de cabeça pode ser um dos sinais da sinusite, mas normalmente vem acompanhada por outros sintomas, como nariz entupido, congestão nasal, catarro ou coriza e diminuição do olfato. A dor mais comum é um peso na face e ao redor dos olhos.⠀

Rinites e sinusites, podem ser os causadores principais da sua dor de cabeça ou os fatores que ajudam a desencadear ou agravar outros tipos de cefaleia. Se esse for seu caso, mesmo que diagnostique o tipo de cefaleia e trate, ela não ficará totalmente resolvida se os sintomas nasais forem negligenciados. Tratar o nariz é fundamental para qualquer tipo de cefaleia.

Leia mais